Dicas interessantes

Como se sair bem em uma entrevista de emprego

“O estar pronto é tudo”.

William Shakespeare em Hamlet, príncipe da Dinamarca

 

A busca pela recolocação profissional é sempre um momento de tensão e possíveis afloramentos de fragilidades humanas. Afinal, depende-se da aprovação de um terceiro para ocupar o cargo pretendido.

Fatores objetivos e subjetivos influenciam e podem até ser decisivos nos resultados da seleção, como conhecimento técnico na área, o psicológico, o carisma, a comunicação, se os valores do candidato convergem com os da empresa e até mesmo a sua habilidade para lidar com um ambiente de estresse e conflitos.

Pensando nisso, selecionamos alguns tópicos que podem ajudar o candidato na entrevista de emprego e como se sair bem nela. Confira!

 

ANTES DA ENTREVISTA

  • LEMBRE-SE QUE A INFORMAÇÃO TEM PODER.

Para se sair bem na entrevista de emprego, pesquise sobre a empresa pretendida, sua história, quem está à frente da organização, sua posição no mercado e se tem uma boa reputação como marca empregadora.

Tente entender mais sobre o perfil e a cultura organizacional da empresa. Por exemplo, se a empresa for B2C – direcionada ao consumidor final – vale observar o comportamento do público no ponto de venda, compreendendo como ele interage com a marca e seus produtos.

 

  • CUIDE DE SUA IMAGEM VIRTUAL.

Inicialmente, as redes sociais vieram para aproximar as pessoas e fazer novas conexões. Hoje em dia, elas vão além e podem ser uma boa ferramenta de estudo sobre uma pessoa. Da mesma forma que você pode (e deve) pesquisar sobre o perfil do entrevistador nas redes sociais, se souber com antecedência quem será, saiba que a empresa também pode fazer o mesmo com os candidatos. Hoje, cerca de 97% das organizações usam algum tipo de rede social para um processo de recrutamento e seleção (Fonte Jobvite). Por isso, zele pelo seu perfil nas redes, analise suas postagens com cuidado para não passar uma imagem comprometedora.

 

  • ATENTE-SE À APRESENTAÇÃO VISUAL.

Seu visual é o seu cartão de visita. Por isso, é essencial cuidar da higiene e escolher uma vestimenta adequada. Quando fizer o levantamento de dados da empresa, veja se é possível identificar qual o dress code utilizado para chegar na entrevista de emprego dentro das expectativas e se sair bem nela. Você pode conferir com mais detalhes como se vestir na entrevista de emprego acessando nosso artigo sobre o tema.

 

  • PREPARE SUA FALA

De nada adianta atentar-se apenas ao visual. Depois da primeira impressão, o candidato precisa conquistar o entrevistador e a comunicação verbal é um ponto crucial. É recomendado que você faça anotações sobre fases importantes de sua carreira profissional. Esta é uma excelente maneira para rememorar aspectos relevantes e não esquecer nenhum detalhe no momento da entrevista.

 

  • ESTEJA PRONTO PARA AS PERGUNTAS FEITAS PELO ENTREVISTADOR

Existem algumas perguntas que são feitas em praticamente todas as entrevistas de emprego. Conheça as principais para saber como se sair bem nas respostas e as tenha ensaiadas.

  1. Fale-me sobre você.

Procure elaborar um discurso entre 3 e 5 minutos sobre as fases mais importantes de sua vida profissional e também algo pessoal que julgue relevante.

 

  1. O que você pode oferecer que os outros não podem?

Articule sua resposta baseada em seu perfil e na pesquisa já realizada sobre a empresa.

 

  1. Fale-me de uma vez em que você cometeu um erro.

Mostre as dificuldades, a solução e o que aprendeu com a experiência.

 

  1. O que o seu gestor e colegas de trabalho diriam sobre você?

É a oportunidade de colocar sutilmente seus pontos positivos, habilidades e competências.

 

  1. O que você sabe sobre a nossa empresa?

Essa é a hora de mostrar toda sua pesquisa prévia e se sair bem na entrevista de emprego.

 

  1. Você prefere trabalhar sozinho ou em equipe?

O trabalho em equipe é muito valorizado nas empresas. Dê exemplos bem-sucedidos sobre o assunto.

 

  1. Quais são seus planos para o futuro profissional?

O que a empresa quer saber com essa pergunta é o seu grau de motivação e ambição.

 

  1. Aonde você quer chegar daqui a 5 ou 10 anos?

Ou seja, qual o grau de comprometimento com a empresa e se há real intenção de permanecer nela.

 

  1. Qual o seu objetivo de vida e carreira?

Seja realista com o tempo de crescimento profissional para responder a esta pergunta.

 

  1. Quais suas forças e fraquezas?

Sempre exemplifique seu potencial com exemplos de situações vividas e exponha suas fraquezas demonstrando autoconhecimento e empenho em superá-las.

 

É muito provável, também, que o entrevistador questione sobre sua vida pessoal. Responda a essas perguntas com honestidade e de acordo com sua realidade, sem exagerar para não passar a impressão de que há escala de prioridades em sua vida e que a parte profissional possa não ser uma delas.

 

  • SAIBA O QUE PERGUNTAR

No final da entrevista de emprego, o recrutador pode abrir espaço para perguntas. Para se sair bem nesse momento, é importante treinar o que dizer. Veja o que você pode perguntar nos processos seletivos:

  1. Do que você gosta mais nesta empresa?
  2. Quais são as primeiras prioridades para esta posição?
  3. O que você espera do candidato que ficará com esta vaga?
  4. Quais são os desafios desta posição?
  5. Como esta empresa mensura o sucesso? Mais especificamente nesta função?
  6. Você pode me falar um pouco da equipe com a qual irei trabalhar?

 

DESCANSE BEM UM DIA ANTES DA ENTREVISTA

Uma boa noite de sono no dia anterior à entrevista de emprego pode lhe ajudar a se sair bem, pois trará disposição e concentração.

 

NO DIA DA ENTREVISTA

  • MOSTRE SIMPATIA

A avaliação começa assim que o candidato atravessa a porta da recepção. Seja simpático e cumprimente todos, desde a recepcionista até o entrevistador.

 

  • PLANEJE O TEMPO

Chegue com antecedência para, depois de passar por todo o protocolo de entrada no prédio, já estar sentado em frente a sala da entrevista entre 10 e 15 minutos antes do início da seleção. Nesse período, aproveite para observar as relações entre os funcionários, os comportamentos e procedimentos no ambiente de trabalho.

 

No caso de entrevistas não-presenciais, utilizando plataformas digitais, a atenção neste ponto deve ser redobrada. Segundo Alexandre Sabbag, headhunter e sócio da Boyden do Brasil ─ multinacional pioneira na área de executive search ─ atrasar-se para uma entrevista virtual mostra ainda mais falta de preparo. “Não tem como ‘culpar’ o trânsito por um atraso”, comenta o profissional. Por isso, a recomendação de Sabbag é estar a postos 15 minutos antes da entrevista ─ isto é, com os equipamentos, programas e aplicativos em pleno funcionamento. “As tecnologias ainda são muito falhas e as chances de insucesso são grandes.  Assim, antever-se é ainda mais importante nesta modalidade de entrevista”, completa Alexandre.

 

  • ESTEJA RELAXADO

Procure ativar sua concentração relaxando antes da entrevista. As técnicas vão desde respiração e meditação até ouvir música, comer algo que te dê prazer ou até mesmo caminhar um pouco antes de entrar no local.

Se houver tempo, antes de encontrar o entrevistador, retome suas anotações sobre sua experiência e habilidades para não esquecer nada na entrevista, pois toda informação pode ser decisiva na escolha entre você e outro candidato.

 

NO MOMENTO DA ENTREVISTA

  • LEVE UMA CÓPIA DO CURRÍCULO

Como diz o ditado, “é melhor prevenir do que remediar”.

 

  • ATENTE-SE À LINGUAGEM CORPORAL

Ao estar frente a frente com o entrevistador, é essencial tomar alguns cuidados com a linguagem corporal. De início, um aperto de mão firme (mas sem espremer a mão do entrevistador), e um sorriso já demonstram confiança. Ao longo da entrevista, evite cruzar os braços, esconder as mãos, roer unhas ou mexer muito no cabelo. Procure manter o olho no olho durante a conversa, pois isso transmite segurança, e uma postura alinhada, mas sem tensão.

 

  • SEJA ÉTICO

Para as perguntas sobre seu emprego anterior ou motivo de saída, procure não falar mal do ex-chefe, nem da organização. Seja verdadeiro e sucinto.

 

  • PRETENSÃO SALARIAL

Tenha jogo de cintura e não dê um número fechado de salário. O mais indicado, caso haja uma pergunta sobre este ponto, é apresentar um range salarial (por exemplo, de 15.000,00 a 18.000,00).

 

  • FAÇA PERGUNTAS, MAS NÃO EXAGERE.

Dentre as que você ensaiou, escolha as mais relevantes para o momento. Seja breve e boa sorte!

 

DICA DE OURO PARA QUALQUER ENTREVISTA

A dica de ouro vem do headhunter Alexandre Sabbag, já citado neste artigo. O profissional, sócio da Boyden do Brasil ─ empresa há mais 73 anos focada em executive search, afirma que a sua recomendação serve para candidatos que buscam por oportunidades em qualquer nível, do operacional à mais alta gestão. Ele, que atuou em diversos países, principalmente, da América Latina, também revela que esta dica é universal.

“É de extrema importância que a pessoa seja autêntica no momento da entrevista – ela deve falar de si, sem ’florear’, contando o que realmente fez, o que pretende fazer e quais são seus verdadeiros propósitos. Muitos candidatos tentam falar o que o entrevistador quer ouvir, mas isso acaba desfavorecendo a pessoa mais cedo ou mais tarde.  Imagine que um candidato afirme que possui vasta experiência em uma determinada área buscando conquistar uma vaga. Mas, se isso for uma inverdade, certamente, no dia a dia de trabalho a falta de know-how será sentida pela equipe ─ podendo gerar a demissão do recrutado, gastos para a empresa, contaminação do clima organizacional, cascatas de atrasos dentro da companhia, entre outros prejuízos.

Muitas vezes, na ânsia de conseguir um emprego, os profissionais não dão informações precisas e acabam gerando uma expectativa falsa na contratante. Não podemos nos esquecer que existem vagas para todos os perfis e, certamente, será mais benéfico para todos os envolvidos neste processo que apenas expectativas verdadeiras sejam geradas.”

 

VEJA TAMBÉM EM NOSSO BLOG:

Dicas para uma entrevista de emprego em inglês

Recolocação profissional: porque é importante e como usar

Entrevista de emprego: como se vestir?

Zefini ConteúdosComo se sair bem em uma entrevista de emprego